saude   / Importância da alimentação saudável

Dia mundial da obesidade: Desenvolver habilidades culinárias é uma das dicas para prevenir o problema

Segundo o IBGE, seis em cada dez brasileiros apresentam excesso de peso

VIVA SAÚDE Publicado quinta 4 março, 2021

Segundo o IBGE, seis em cada dez brasileiros apresentam excesso de peso
Dia mundial da obesidade: Desenvolver habilidades culinárias é uma das dicas para prevenir o problema - Pexels

O Brasil vem enfrentando infelizmente um aumento expressivo da obesidade em todas as faixas etárias, sabia? 

Segundo dados coletados no ano de 2020 pelo IBGE, que realizou a Pesquisa Nacional de Saúde com parceria do Ministério da Saúde, seis em cada dez brasileiros apresentam excesso de peso. Ou seja, cerca de noventa e seis milhões de pessoas estão na faixa de sobrepeso.

Por isso, o Dia Mundial da Obesidade (4 de março) foi criado para alertar as pessoas sobre o perigo do excesso de peso. Além de afetar a saúde mental do ser humano, a doença pode causar no corpo problemas cardíacos, diabetes, colesterol alto e hipertensão. 

E, o aumento do consumo de alimentos ultraprocessados, que possuem composição nutricional desbalanceada e são ricos em gorduras, açúcares e sódio, aliado à atividade física reduzida, é uma das causas deste problema de saúde pública.

+++ VEJA TAMBÉM: Alimento aliado da mulher: Abóbora melhora a saúde feminina da fertilidade à menopausa
+++ VEJA TAMBÉM: Evitar comer o mesmo alimento mais de uma vez por dia ajuda a perder peso; Leia mais 

Assim, vamos dar algumas dicas simples para adotar e evitar essa doença: 

1. Tenha uma vida ativa 

Levar uma vida sedentária é um dos fatores de risco para a obesidade, principalmente em pessoas que já possuem predisposição genética para engordar. Por isso, é importante manter-se ativo! E não estamos falando de ir à academia todos os dias, embora essa seja uma boa forma de manter um ótimo peso.

O simples hábito de fazer caminhadas ou subir escadas em vez de usar o elevador já pode ajudar bastante. Trocar o carro ou transporte público pela bicicleta para ir ao trabalho, também é uma excelente forma de manter seu corpo em atividade e evitar o ganho de peso.

2. Faça dos alimentos in natura ou minimamente processados e de origem predominantemente vegetal a base da alimentação

Sempre opte por alimentos obtidos diretamente de plantas ou de animais ou então aqueles que foram submetidos a processos que não envolvam agregação de sal, açúcar, óleos, gorduras ou outras substâncias ao alimento original. Exemplos: frutas, verduras, legumes, leite, iogurte natural, feijões, cereais, raízes, tubérculos, ovos, carnes resfriadas ou congeladas, farinhas, macarrão, castanhas, frutas secas, sucos integrais, chá, café e água potável. 

Dica: Para economizar na compra desses produtos, prefira os que estão no período de safra, pois terão menor preço.

3. Desenvolva habilidades culinárias

O processo de cozinhar implica em preparações baseadas em alimentos in natura ou minimamente processados. Daí a importância de desenvolver habilidades culinárias, seja pedindo receitas para a família ou conversando com colegas que sabem cozinhar, e mesmo com a ajuda de livros e da internet. 

Dica: Não tem tempo? Cozinhe alimentos que demandam mais tempo (como o feijão) em um único dia e, congele e utilize ao longo da semana. Macarrão com molho de tomate natural, sopas, omeletes ou arroz com legumes refogados são ótimas opções para quando o tempo está curto.


4. Controle seu peso

É comum a pessoa ganhar peso e só perceber isso quando a roupa começa a ficar apertada. Para evitar que você engorde muito sem perceber, faça um acompanhamento semanal de seu peso. Se perceber que está ganhando quilos extras, mude alguns hábitos para perdê-los rapidinho. Lembre-se que é bem mais fácil emagrecer dois ou três quilos do que cinquenta!

5. Evite ambientes desfavoráveis

Comer em frente à televisão ou computador, sem atenção e de maneira rápida são comportamentos que podem levar a um consumo exagerado de alimentos e facilitar o ganho de peso. O que você pode fazer para favorecer o “comer com regularidade e atenção” é procurar comer em locais limpos, confortáveis e tranquilos, de preferência na companhia de familiares, amigos ou colegas de trabalho. Compartilhar refeições e comer sem pressa ampliam o prazer proporcionado pelo ato de comer.

6. Atenção para publicidades

A publicidade de alimentos ultraprocessados frequentemente veicula informações incorretas ou incompletas sobre os produtos. E muitas vezes as propagandas acabam dificultando as escolhas alimentares mais saudáveis. Portanto, a dica é ir além das informações em destaque na embalagem, e sempre verificar a lista de ingredientes. Em geral, se são descritos CINCO ingredientes ou mais, o alimento é classificado como ultraprocessados e deve ser evitado, especialmente quando os ingredientes são basicamente formulações industriais ou com nomes desconhecidos.

7. Faça acompanhamento médico

Ir ao médico regularmente ajuda a preservar uma boa saúde e manter o peso ideal. Fazer o check-up com o seu doutor todo ano também ajuda na prevenção da obesidade. Realize consultas e exames médicos para verificar se o seu organismo está funcionando em perfeito estado, isso ajuda a precaver o surgimento de futuros problemas de saúde.

Último acesso: 11 Apr 2021 - 06:04:41 (1715).