saude   / Saúde inteligente

Evitar comer o mesmo alimento mais de uma vez por dia ajuda a perder peso; Leia mais

A aceleração do emagrecimento pode vir das fibras dos legumes e componentes antioxidantes

VIVA SAÚDE Publicado quarta 21 outubro, 2020

A aceleração do emagrecimento pode vir das fibras dos legumes e componentes antioxidantes
Evitar comer o mesmo alimento mais de uma vez por dia ajuda a perder peso; Leia mais - Freepik

A cada dia surge uma nova dieta, não é mesmo? Dieta da Lua, do Sol, do abacaxi, da sopa, entre tantas outras! Mas será que elas funcionam mesmo para emagrecer? Será que servem para todo mundo? Claro que não! Isso porque a dieta precisa ser individualizada para cada paciente e seu contexto de vida.

Prescrever um diário de alimentação precisa levar em consideração aspectos como o sexo, a idade, as doenças existentes, as medicações em uso, os hábitos alimentares, o horário de trabalho, o estado emocional e até mesmo a genética.

Porém, mesmo que um especialista faça o melhor plano alimentar para você, ele pode perder sua eficácia após três meses ou até menos, já que na maioria das vezes existe um abandono da dieta e aí aparece a sensação de derrota e frustração.

 

+++ VEJA TAMBÉM: Jejum intermitente: quais os benefícios dessa dieta segundo a ciência?
+++ VEJA TAMBÉM: Fique atento: Laxantes tornam o intestino ainda mais preguiçoso? Especialista responde!

 

Por isso, existem algumas estratégias e dicas para a perda de peso natural, sem envolver uma dieta propriamente dita. Comer, por exemplo, o mesmo alimentos mais de uma vez ao dia deve ser evitado. 

Ao ingerir uma torrada no café da manhã, escolha outro carboidrato integral, como arroz negro ou quinoa, para o almoço ou jantar. Se você ama comer manteiga de amendoim e geleia no lanche pré-treino, prefira oleaginosas no resto do dia. Além disso, e ainda mais importante, essa estratégia adiciona uma gama mais vasta de nutrientes por dia – aumentando sua saciedade e seus níveis de energia.

Outra dica valiosa é comer legumes ao menos quatro vezes na semana. Em um estudo do periódico European Journal of Nutrition, as pessoas que seguiram uma dieta de baixa caloria e incluíram quatro porções semanais de legumes no plano alimentar perderam significativamente mais peso após quatro semanas se comparadas àquelas que comeram o mesmo número de calorias – mas sem legumes.

A aceleração da perda de peso pode vir das fibras dos legumes e componentes antioxidantes, uma vez que esses pesquisadores descobriram que os amantes de verdura tiveram níveis mais baixos de inflamações ligadas à obesidade. Tente adicionar grão-de-bico à sua salada, cozinhar algumas lentilhas no vapor, ou ingerir feijão durante a semana.

Além disso, dormir ao menos oito horas e meia por noite afeta o peso. Um estudo do Annals of Internal Medicine sugere que bastam apenas duas semanas de sono para sua cintura ser de alguma forma influenciada. 

No estudo, homens e mulheres seguiram uma dieta de controle de calorias. Após catorze dias de cinco horas e meia ou oito horas e meia de sono por noite, ambos os grupos perderam cerca de três quilos – mas aqueles que dormiram mais perderam duas vezes mais gordura do que os que dormiram menos.

Também, por mais que aumentar o consumo de água seja vital para prevenir a gula, promover uma digestão mais saudável e manter seu metabolismo em forma, quando o assunto é emagrecer rapidamente, a bebida também é sua melhor aliada contra o inchaço. 
Isso porque quando as suas células estão desidratadas, a primeira reação delas é se agarrar a qualquer fluido que esteja em seu sistema, contribuindo para o inchaço. 

Então, beba um litro de água para cada vinte e três quilos seus por dia. Ou seja, se você pesar setenta e nove quilos, deve ingerir três litros e meio de água. Dar goles lentos evita sobrecarregar seu organismo de uma vez só.

Último acesso: 06 Dec 2020 - 01:39:15 (608).