saude   / Cuide-se!

Vitamina D! Super importante para a manutenção da vida; veja os benefícios e saiba quando a repor

O nutriente auxilia na melhora de concentração, aprendizado e memória

VIVA SAÚDE Publicado sexta 4 setembro, 2020

O nutriente auxilia na melhora de concentração, aprendizado e memória
Vitamina D! Veja os benefícios e saiba quando tomar - Freepik

Você já ouviu falar sobre a vitamina D? Hoje em dia, apesar de este assunto estar em alta, muitas pessoas sequer sabem que ela é um esteroide.

Esse nutriente é importante para a manutenção da saúde, já que contribui para o bom funcionamento do organismo, garantindo que os ossos e os dentes permaneçam fortes, além de contribuir para a boa saúde cardíaca.

É comum ouvir por aí que a vitamina D não é fácil de ser encontrada em alimentos. A frase é parcialmente verdadeira. Alguns produtos contêm, sim, o nutriente, porém não na quantidade que o nosso corpo necessita. Normalmente, é necessário suplementá-la. A luz solar também ajuda na absorção dele pelo organismo.

ALIMENTOS COM ALTO TEOR DE VITAMINA D

Óleo de fígado de bacalhau, bife de fígado, gema de ovo, atum, sardinha, salmão selvagem, queijo fortificado e cogumelos, por exemplo.

+++ VEJA TAMBÉM: Falta de vitamina D pode aumentar os riscos de Covid-19; saiba como aumentar os níveis deste composto no organismo
+++ VEJA TAMBÉM: Xô, gripe! Veja 5 atitudes para melhorar sua imunidade e evitar resfriados 


Veja seus principais benefícios:

- Regula a absorção de cálcio e fósforo pelo organismo;
- Mantêm o cérebro funcionando;
- Fortifica ossos, dentes e músculos;
- Para as mulheres, é fundamental na prevenção da osteoporose;
- Melhora o sistema imunológico;
- Ajuda a prevenir diabetes;
- Previne doenças cardíacas;
- Ajuda na proteção contra o câncer;
- Pode ajudar na regulação hormonal e na regulação do humor;
- Auxilia na melhora de concentração, aprendizado e memória.


Quando é indicada a reposição?

A reposição dessa vitamina, quando necessária, é feita de forma oral (gotas ou comprimidos) diária ou semanalmente. Em alguns casos, também pode ser feita mensalmente de forma injetável.

Contudo, o diagnóstico e a reposição devem ser feitos apenas com acompanhamento de um especialista. Isso porque, em excesso, ela aumenta a concentração de cálcio no sangue, o que favorece a formação de cálculos renais. Os sintomas mais comuns de intoxicação pela vitamina D são náuseas, sede, fraqueza, nervosismo, aumento da pressão arterial e vontade de urinar.

Portanto, que tal dedicar dez minutinhos do seu dia para tomar sol e garantir a vitamina D necessária para seu corpo?

Último acesso: 05 Dec 2020 - 05:22:51 (271).