Taxa de transmissão do coronavírus sobe para 1,13 no Brasil, aponta Imperial College

Isso significa que cada 100 pessoas com o vírus no país infectam outras 113

VIVA SAÚDE Publicado quarta 3 março, 2021

Isso significa que cada 100 pessoas com o vírus no país infectam outras 113
Taxa de transmissão do coronavírus sobe para 1,13 no Brasil, aponta Imperial College - Freepik

A taxa de transmissão (Rt) do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no Brasil está em 1,13, apontou o monitoramento do Imperial College de Londres, no Reino Unido, divulgado nesta semana. Isso significa que cada cem pessoas com o vírus no país infectam outras cento e treze.

Pela margem de erro das estatísticas, essa taxa pode ser maior (Rt de até 1,15) ou menor (Rt de 1,10). Nesses cenários, cada 100 pessoas com o vírus infectariam outras 115 ou 110, respectivamente.

Na semana passada, o Rt ficou em 1,02. Em novembro de 2020, a taxa de transmissão chegou a 1,30, a maior desde o fim de maio. 

+++ VEJA TAMBÉM: Venda de remédios sem eficácia comprovada contra a Covid dispara no Brasil
+++ VEJA TAMBÉM: Segundo especialista da OMS é necessário dar atenção à "Covid longa"

Simbolizado por Rt, o "ritmo de contágio" é um número que traduz o potencial de propagação de um vírus: quando ele é superior a 1, cada infectado transmite a doença para mais de uma pessoa e a doença avança.

A universidade britânica também projetou que o Brasil tenha 9.190 mortes devido à Covid-19 nesta semana. O cenário mais positivo prevê 8.660 óbitos e, o mais negativo, 9.500.

Último acesso: 11 Apr 2021 - 06:32:00 (1706).