saude   / Pesquisa

Microplásticos são encontrados na placenta de mulheres grávidas, diz estudo

As partículas microscópicas encontradas nas placentas eram de um material plástico colorido que pode ter vindo de embalagens, cosméticos ou produtos de higiene pessoal

VIVA SAÚDE Publicado quarta 23 dezembro, 2020

As partículas microscópicas encontradas nas placentas eram de um material plástico colorido que pode ter vindo de embalagens, cosméticos ou produtos de higiene pessoal
Microplásticos são encontrados na placenta de mulheres grávidas, diz estudo - Freepik

Cientistas da Itália identificaram, pela primeira vez, a presença de microplásticos na placenta de mulheres grávidas. A descoberta, que sairá na edição de janeiro da revista científica "Environment International", teve sua publicação antecipada na internet.

Os microplásticos são pequenos resíduos que vêm dos mais diversos produtos de plástico. Eles podem ser de vários tamanhos. Às vezes são tão pequenos que podem ser invisíveis a olho nu.

Segundo o estudo, ao menos 12 partículas microscópicas de plástico foram encontradas nas placentas de quatro mulheres saudáveis ​​que tiveram gestações e partos normais. Os cientistas alertam para as consequências dessa descoberta.

+++ VEJA TAMBÉM: B12, a "supervitamina": Saiba o que é e como ela pode ser vital para o organismo

+++ VEJA TAMBÉM: Você sente fome com frequência? Isso pode ser um sinal de que você precisa comer mais proteínas

"Uma vez que o papel da placenta é crucial no desenvolvimento do feto, a presença de materiais potencialmente nocivos é um motivo de grande preocupação", disse o estudo.

E, o impacto dos microplásticos na saúde do corpo humano ainda não é conhecido, mas os pesquisadores da Universidade Politécnica de Marche, no nordeste da Itália, disseram que, a longo prazo, eles podem ser responsáveis pela má-formação dos fetos.

"Mais estudos precisam ser feitos para que se entenda se os microplásticos encontrados em placentas podem acionar alguma resposta imunológica ou provocar a liberação de toxinas, o que pode ser nocivo durante uma gestação", escreveram os pesquisadores.

De acordo com a publicação, as partículas microscópicas encontradas nas placentas eram de um material plástico colorido. Elas podem ter vindo de embalagens, cosméticos ou produtos de higiene pessoal consumidos pelas mães.

Último acesso: 29 Jan 2022 - 10:55:20 (1165).