saude   / Covid-19

Anvisa decide nesse domingo se aprova uso emergencial de vacinas

A decisão será tomada por maioria simples, ou seja, de cinco diretores, três votos a favor ou contra definirão o resultado

VIVA SAÚDE Publicado domingo 17 janeiro, 2021

A decisão será tomada por maioria simples, ou seja, de cinco diretores, três votos a favor ou contra definirão o resultado
Anvisa decide neste domingo se aprova uso emergencial de vacinas - Pexels

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vai realizar, nesse domingo, dia 17, em Brasília, reunião extraordinária de sua diretoria colegiada, formada por cinco integrantes, para analisar os pedidos de autorização temporária de uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19.

A reunião começa às 10h, tem previsão de cinco horas de duração e será transmitida ao vivo pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e pelos canais digitais da agência.

E, estão na pauta da Anvisa os processos do imunizante Coronavac, fabricado e desenvolvido pelo Instituto Butantan, em conjunto com a farmacêutica chinesa Sinovac e, o da vacina da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), desenvolvida pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, em parceria com o laboratório AstraZeneca.

+++ VEJA TAMBÉM: Pessoas que tiveram Covid-19 podem ser reinfectadas, diz Fiocruz 
+++ VEJA TAMBÉM: Governo de SP recebe lote com o equivalente a 5,5 milhões de doses da vacina CoronaVac

Somados, os pedidos se referem a seis milhões de doses da Coronavac e outros dois milhões de doses da vacina da Astrazeneca/Oxford.

Segundo comunicado da Anvisa, os pedidos serão analisados de forma separada e a decisão de aprovar o uso emergencial ou não será tomada por maioria simples, ou seja, de cinco diretores, três votos a favor ou contra definirão o resultado.

Último acesso: 11 Apr 2021 - 06:12:44 (1321).