saude   / Coronavírus

Vacina 100% brasileira, a Butanvac, começará a ser produzida para testes em humanos

Doria declarou que o instituto pretende produzir 18 milhões de doses da vacina até a primeira quinzena de junho

Viva Saúde Publicado quarta 28 abril, 2021

Doria declarou que o instituto pretende produzir 18 milhões de doses da vacina até a primeira quinzena de junho
Butanvac começará a ser produzida pelo Instituto Butantan - Getty Images

O governo do estado da São Paulo anunciou em coletiva nesta quarta-feira, 28, que o Instituto Butantan iniciará hoje a produção da Butanvac, primeira vacina com tecnologia 100% brasileira. João Dória informou que o primeiro lote com 1 milhão de doses será produzido sem depender de qualquer matéria prima importada. 

Até o momento, o imunizante contra a covid-19 foi testado apenas em animais e apresentou resultados positivos, no entanto, o Instituto aguarda liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para realizar testes em humanos. O pedido de liberação foi feito na última sexta-feira, 26, e no dia seguinte a Anvisa solicitou informações adicionais. 

+ VEJA TAMBÉM: Butanvac deve ser mais barata que vacinas usadas no momento, afirma Dimas Covas

"O Butantan, nesta primeira etapa, vai produzir 18 milhões da dose da vacina pronta para o uso já na primeira quinzena de junho, quando o processo de aprovação da Anvisa for concluído. Evidentemente vamos aguardar a aprovação da Anvisa, mas poderemos aplicar imediatamente a vacina Butanac em todo o Brasil", disse Dória em coletiva esta manhã. 

O Instituto Butantan terá um prazo de 120 dias para responder a Anvisa com as informações solicitadas. Segundo informações de Dória, se tudo correr como esperado, o instituto pretende produzir 18 millhões de doses da vacina até a primeira quinzena de junho. 

Último acesso: 26 Oct 2021 - 02:26:44 (2194).