saude   / Sem comprovação científica

Malha lingual: procedimento oferece riscos à saúde e não possui comprovação científica

De problemas com o hálito à ocorrência de infecções, dentista e neurocientista mostram os riscos desta medida que não é autorizada por órgãos da saúde

Viva Saúde Publicado terça 14 setembro, 2021

De problemas com o hálito à ocorrência de infecções, dentista e neurocientista mostram os riscos desta medida que não é autorizada por órgãos da saúde
Procedimento causa graves danos à saúde - Pexels/Andrea Piacquadio

A busca pela perda de peso deve ser feita por questões de saúde, e não por padrões estéticos. Mas é preciso ter cuidado com iniciativas que prejudiquem o nosso organismo, como uma que tem gerado muita polêmica nos consultórios dos dentistas. Em busca de literalmente “fechar a boca” de quem busca eliminar os quilos a mais, a técnica da malha lingual tem despertado a atenção para uma série de problemas que tal medida pode trazer para a saúde da pessoa.

Segundo o dentista Dr. Luciano Martins, o procedimento consiste no seguinte: “É costurada uma espécie de malha ou tela na língua da pessoa, seja com grampos ou pontos, para que os atos de comer e mastigar alimentos sólidos se tornem um grande tormento. Com isso o indivíduo passa a consumir apenas líquidos ou pastosos, fazendo com que haja essa perda de peso.”

Para piorar, “há quem coloque a malha por alguns meses até conseguir emagrecer e depois a retira ou faça uma dieta estabelecendo períodos sazonais, como a usando por dois meses, depois remove por alguns dias e, em seguida, a aplica novamente”, observa o dentista. No entanto, conforme lembra o PhD, neurocientista, psicanalista e biólogo Fabiano de Abreu, é preciso observar que tal proposta não é um método científico. “Ainda é algo doloroso, incômodo e pode limitar a ingestão de nutrientes essenciais para o bem-estar da pessoa”, alerta. 

Diante disso, o Dr. Luciano lembra da questão higiênica: “Pode acontecer da comida ficar retida entre a língua e a tela, o que pode trazer problemas ligado ao hálito da pessoa”.  Já Fabiano lembra que “a língua é um músculo com muitas terminações nervosas, e se grampeamos alguma coisa em nós, além de nos machucar muito, podem ocorrer feridas e infecções”. Além disso, o psicanalista ressalta: "Essa dor e esse incômodo vai elevar a ansiedade que pode trazer outros problemas em relação à saúde mental."

+++ Boca saudável: Conheça os alimentos que mantêm a saúde bucal e que te livram das cáries

+++ 5 práticas que evitam doenças bucais e mau hálito por conta do uso da máscara na pandemia

Dr. Luciano sintetiza: “Como se observa, esse sistema de malha lingual não traz nada de bom ou saudável”. Vale lembrar que tal técnica não é autorizada pelas entidades reguladoras de saúde, como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Conselho Federal de Odontologia (CFO).

Último acesso: 19 Sep 2021 - 05:03:37 (3272).