esporte-e-lazer   / A pista é sua

Mexe e remexe! Além de queimar muitas calorias, dançar contribui para a memória e promove socialização

Por ser uma atividade aeróbica, ela melhora o condicionamento físico e aumenta a frequência cardíaca

VIVA SAÚDE Publicado segunda 19 outubro, 2020

Por ser uma atividade aeróbica, ela melhora o condicionamento físico e aumenta a frequência cardíaca
Dance! Além de queimar muitas calorias, dançar contribui para a memória - Freepik

Você sabia que a história da dança retrata que seu surgimento se deu ainda na Pré-História, quando os homens batiam os pés no chão? O exercício obtinha características sagradas e os gestos eram místicos e acompanhavam rituais.

Bom, até os dias de hoje o esporte, que também é arte, é uma boa saída aos que não são adeptos a prática de exercícios físicos ou aos que não sabem o que praticar. Além de muito prazeroso, tem uma série de benefícios tanto físicos quanto mentais, sendo um ótimo aliado do bem-estar, autoestima e saúde.

Essa atividade física protege o corpo de problemas cardíacos e respiratórios, aprimora a resistência cardiopulmonar, fortalece os músculos melhorando o poder de sustentação do próprio corpo, além de contribuir para a coordenação motora, devido a suavidade dos movimentos.


+++ VEJA TAMBÉM: Mergulhe! Natação favorece a memória, reduz ansiedade e impulsiona autoconfiança; Confira mais sobre esse esporte

+++ VEJA TAMBÉM: Da caminhada à corrida: Um bom par de tênis é um ótimo começo; Confira mais dicas

 

Também, algumas aulas de dança propiciam um alto gasto calórico, fazendo delas uma ótima aliada na perda de peso. Por ser uma atividade aeróbica, ela melhora o condicionamento físico, aumentando a frequência cardíaca, otimizando a circulação sanguínea e ampliando a capacidade respiratória.

Além disso, traz muitos benefícios para a saúde mental ajudando a desinibir os mais tímidos, estimulando relações afetivas e interferindo nas áreas de comportamento, de improviso e de expressão coletiva e individual.

As aulas de dança ajudam também na memória, pois trabalham movimentos e coreografias aliadas a alguma música. Com isso, a área do cérebro responsável pela memorização é ativada e o benefício disso vai refletir no seu cotidiano, pois o sistema nervoso passa a ter mais respostas e, com isso, o corpo tende a se comunicar melhor.

E, esse exercício, feito na maioria das vezes em aulas com grupos ou duplas auxilia na socialização e construção de laços afetivos. Lembrando que a vida social é uma poderosa arma para lidar com a depressão, o estresse e o sentimento de solidão. Além disso, com o tempo, o grupo vai ganhando confiança e criando vínculos, o que faz com que o desempenho nas aulas seja melhor, uma vez que a timidez já foi vencida.

Existem diversas modalidades de aulas de danças e, para não errar, escolha uma que se encaixe no seu perfil e se adapte às suas necessidades.

Último acesso: 06 Dec 2020 - 00:32:46 (585).