bem-estar   / Planta que voa

A planta que voa: dente-de-leão tem significados místicos e está associada ao desprendimento

Conheça os significados místicos associados a esta plantinha, considerada erva daninha

Redação Bons Fluidos Publicado quarta 3 fevereiro, 2021

Conheça os significados místicos associados a esta plantinha, considerada erva daninha
A planta que voa: dente-de-leão tem significados místicos e está associada ao desprendimento - Freepik

Quem nunca assoprou uma daquelas plantas pomposas, frágeis que se dissipam com um simples movimento?

O dente-de-leão é uma planta comum em climas temperados e sua reprodução é uma das características mais marcantes desta espécie. Basta apenas o sopro do vento para que suas pequenas plumas voem até outros campos até ali crescer novamente uma nova planta. Não é à toa que esta erva foi considerada uma erva daninha.

Diz-se que existem mais de 250 espécies de dente-de-leão, embora a variedade conhecida como “dente-de-leão comum” (Taraxacum officinale) seja a que mais provavelmente está povoando seu gramado e jardim. 

Os dentes-de-leão são bastante resistentes e, como tal, podem suportar muito menos do que as condições ideais de cultivo. Suas folhas, flores são comestíveis  e possui propriedades medicinais conhecidas há séculos por diferentes povos.  As abelhas e outros polinizadores também dependem deles como fonte de néctar no início da estação de crescimento. 

A planta do desprendimento

Para continuar lendo, veja a MATÉRIA COMPLETA DO PORTAL BONS FLUIDOS, PARCEIRO DO VIVA SAÚDE.

Último acesso: 26 Oct 2021 - 02:54:41 (1469).