saude   / Covid-19

68 bebês já nasceram com anticorpos para covid-19 no Brasil, aponta estudo

Pesquisa da UFMG identificou 68 bebês que nasceram com anticorpos depois que suas mães testaram positivo para a covid durante a gestação

Viva Saúde Publicado quinta 27 maio, 2021

Pesquisa da UFMG identificou 68 bebês que nasceram com anticorpos depois que suas mães testaram positivo para a covid durante a gestação
Pesquisa identificou 68 bebês que nasceram com imunidade contra a covid no Brasil - Freepik

Notícias em relação à bebês e covid-19 estão animando a equipe de pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), depois que uma pesquisa inédita da universidade identificou quase 70 bebês que nasceram com anticorpos da covid-19. 

A Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) identificou 68 bebês que nasceram imunes à Sars-Cov-2 depois que suas mães tiveram a infecção durante a gestação. A pesquisa, divulgada nesta terça-feira, 26, chegou à conclusão de que a maioria das mães que testou positivo para o coronavírus durante a gestação pode passar anticorpos para os bebês. 

+ VEJA TAMBÉM: Bebê nasce com anticorpos da covid-19 após mãe se vacinar em SC

Para chegar nestes resultados, o estudo inédito avaliou até o momento 506 mães nas cinco cidades mineiras Nova Lima, Contagem, Itabirito, Ipatinga e Uberlândia e identificou que 68 delas que tiveram covid na gravidez geraram anticorpos e a maioria repassou para os filhos. A meta dos pesquisadores é estudar 4 mil mães. 

"Outros estudos já mostraram a presença de anticorpos no bebê, mas a maioria deles investigou a transferência de anticorpos após as manifestações da Covid na mãe. Nesta pesquisa, estamos testando todas as mães e bebês, independente delas terem apresentado qualquer sintoma da doença durante a gravidez, porque sabemos que cerca de 80% das infecções são assintomáticas”, explicou à CNN Brasil a professora do Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina da UFMG, Cláudia Lindgren. 

O estudo avaliou apenas as mães que não se vacinaram contra a covid-19. Claudia comentou que 13% da mães infectadas geraram anticorpos naturalmente após contrair o novo coronavírus e a maioria passou os anticorpos para seus bebês. 

 

Último acesso: 03 Dec 2021 - 19:20:09 (2481).