Pfizer fecha acordo com COI para vacinar os atletas e membros das delegações nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

A farmacêuticas americana e a alemã encarregadas pelo imunizante disponibilizarão as primeiras doses para entrega ao final do mês de maio

Viva Saúde Publicado quinta 6 maio, 2021

A farmacêuticas americana e a alemã encarregadas pelo imunizante disponibilizarão as primeiras doses para entrega ao final do mês de maio
Pfizer fecha acordo com COI para vacinar os atletas e membros das delegações nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 - Justin Tallis - Pool / Getty Images - Atsushi Tomura/Getty Images

Os laboratórios Pfizer e BioNTech acordaram nesta quinta-feira, 6, com o Comitê Olímpico Internacional (COI) que serão os responsáveis por fornecer as doses de vacinas contra a Covid-19 para os atletas e delegações, como técnicos, funcionários e auxiliares, dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

A farmacêuticas americana e a alemã encarregadas pelo imunizante disponibilizarão as primeiras doses para entrega ao final do mês de maio. A logística é que os participantes dos Jogos Olímpicos recebam a segunda dose da vacina antes mesmo de embarcar para Tóquio, cidade que irá sediar o evento esportivo.

+ VEJA: Estados Unidos quer acelerar a produção de vacinas para distribuição de doses em todo o mundo

+ VEJA: Opas alerta que pessoas mais jovens estão lotando UTIs de Covid nas Américas

Vale lembrar que os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 têm previsão de início em 23 de julho e término em 8 de agosto de 2021. Já os Jogos Paralímpicos ocorrerão entre 24 de agosto de 5 de setembro. O COI decidiu manter no nome oficial do evento o ano de 2020, uma vez que as Olimpíadas deveriam ter ocorrido ano passado.

Pfizer/BioNTech no Brasil

Na noite de ontem, quarta-feira, dia 5, o Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), recebeu um avião com 629 mil doses do imunizante da Pfizer/BioNTech contra o coronavírus comprados pelo país. 

E, o contrato que o Brasil possui com a farmacêutica norte-america é de cem milhões de doses, sendo esse que acabou de chegar, o segundo lote. A primeira remessa com um milhão de doses do imunizante chegou ao país, também pelo aeroporto de Viracopos, no último dia 29.

Além disso, essas vacinas devem ser encaminhadas para as capitais brasileiras por conta das regras de armazenamento do imunizante (as manter em -25°C e -15°C por, no máximo, catorze dias). Nas salas de vacinação, as doses são mantidas a uma temperatura que varia entre 2°C e 8°C, e precisam ser aplicadas em um período de até cinco dias.

 

Último acesso: 26 Oct 2021 - 02:22:08 (2293).